Comportamento Humano

O Princípio Que Explica Todo o Comportamento Humano

Você precisa entender esse princípio se você quer entender o comportamento humano. Não só o comportamento dos outros, mas o seu também.

As vezes nós temos dificuldade em entender o porquê de alguém agir da forma que age. Ou o porquê de você ter se comportado da maneira que você se comportou. Parece até que você perde o controle.

Bem, isso acaba hoje.

Todo comportamento humano é motivado pelo princípio de dor ou prazer. Nós estamos sempre ou correndo da dor no intuito de evitá-la ou correndo em direção à alguma recompensa no intuito de sentir prazer.

É isso, pronto. Neste momento você esta ou discordando comigo ou pensando que eu redescobri o fogo. Em todos os casos, aguenta até o fim.

Porque Você Deveria Entender O Princípio De Dor Ou Prazer

Princípio dor e prazer

Entendendo esse princípio você entenderá o comportamento humano em geral. Tanto o seu quanto o de seus familiares, amigos, colegas e até o do seu chefe.

Ao realmente enraizar este entendimento em sua mente, você entenderá:

  • O que te motiva?
  • O que motiva alguma pessoa específica em sua vida?
  • O que motiva as pessoas em geral?

A resposta pra essas perguntas vale o seu peso em ouro.

Se você chega a essa conclusão, você terá a habilidade extraordinária de modificar o seu discurso e comportamento para adaptar à pessoa em questão. Dessa forma você pode conseguir tudo o que quiser, e poderá vender até neve pra urso polar.

A habilidade de modificar o comportamento em você e nos outros é um super-poder. Você pode ser melhor em seu trabalho, com seus amigos, em seu casamento.

Contra-argumento

Ah, mas como você explica aquelas pessoas que se desdobram para ajudar os outros sem pedir nada em troca?

Prazer. O sentimento de ajudar é comprovadamente um dos sentimentos mais puros e sinceros. Mais do que a ajuda em si, é o sentimento de felicidade e realização que o ato traz. É isso o que leva tanta gente bem-sucedida à ajudar a causas nobres. A maior recompensa é interna.

E como você explica as pessoas que machucam a si próprias?

Muitas vezes, pessoas que machucam a si mesmo acham na adrenalina do ato uma cura para a dor interna. Ou até mesmo no alívio após o ato de magoar a si próprio.

Como Utilizar Este Princípio Em Sua Vida

Princípio dor e prazer

Vamos deixar de lado as perguntas alheias e dar espaço à curiosidade.

Vejamos um hábito que a maior parte de nós possui hoje em dia: por que nós olhamos para os nossos celulares cerca de 150 vezes por dia?

Como você sabe, a maioria de nós vive vidas mundanas, ordinárias. E em cima disso nossos cérebros, subsconscientemente, associam tédio com dor. 

O ato de checar o celular tantas vezes ao dia é uma busca insconsciente das pequenas recompensas que as suas notificações trazem. Mesmo assim este hábito não deixa de ser perigoso.

Todas as vezes em que checamos nossos smartphones nós reduzimos um pouco mais a nossa habilidade de se manter focado durante um período consistente de tempo, uma habilidade crucial para o sucesso de qualquer pessoa, em qualquer área.

Esse hábito destrói completamente as nossas habilidades cognitivas. Em outras palavras, nos deixa mais burros e lerdos.

Você já parou pra pensar que as pessoas que trabalham no Facebook são algumas das mais inteligentes do mundo, especialistas em comportamento humano e muito bem preparadas no objetivo de reter a sua atenção?

Facebook é bom. Mas drogas também são e foram proíbidas. Por que? Porque é viciante.

Você certamente consegue lembrar de alguma vez que abriu o Facebook (ou qualquer outra rede social) e quando se deparou já haviam passado meia-hora, sem você perceber.

É assim que você destrói não só o seu tempo, mas também o seu cérebro.

Uma Adição ao Seu Mais Profundo “Porquê”

Princípio dor e prazer

Você certamente já ouviu falar que, se você quer ser bem-sucedido na vida você dever achar a sua missão, o seu significado, o porquê de você sair da cama todos os dias de manhã.

E se você quer entender outras pessoas, você precisa entender o “porquê” delas também.

Agora que você conhece o princípio da dor e prazer as coisas ficaram mais fáceis. Você sabe que precisa entender o motivo por trás daquele comportamento, mas de agora em diante você entende que aquele motivo esta ou relacionado à algum medo e dor, ou esta relacionado com alguma busca inconsciente (ou consciente) por uma curta (ou significante) recompensa.

Use conscientemente. Use com responsabilidade.

Conclusão

O que levar deste artigo é muito simples – você agora se tornará um ser humano mais atento.

Mais atento às suas atitudes e comportamentos, e às atitudes e comportamento humano em geral.

Você buscará entender antes de criticar. E você usará deste princípio para responsavelmente conseguir o que você quer na sua vida.

Você tornou-se mais inteligente e, apesar de já saber anteriormente, prestou atenção ao mal que o hábito de checar o celular pode causar (física e mentalmente).

Você é uma pessoa melhor hoje. E hoje você sabe o porquê.

_______________________

Este artigo é inspirado no artigo de Burak Bilgin em Medium.com.

_______________________

Se você gostou deste artigo, compartilhe com seus amigos e ajude-os a buscar o melhor para suas vidas. Conhecimento é melhor quando dividido, e não há melhor forma de ajudar ao próximo do que com uma boa palavra.

Tamo junto,

Marco

Artigos relacionados

Digite acima o seu termo de pesquisa e prima Enter para pesquisar. Prima ESC para cancelar.

Voltar ao topo